Comissão da OEA vai ouvir acadêmicos brasileiros sobre golpismo de Bolsonaro e militares

Date:

Share post:


A Comissão Interamericana de Direitos Humanos, a CIDH, irá ouvir integrantes do Observatório para Monitoramento dos Riscos Eleitorais no Brasil, o Demos. O grupo, formado por professores e acadêmicos de todo o país, surgiu para monitorar e denunciar as ameaças ao processo eleitoral feitas por Jair Bolsonaro e integrantes da cúpula das Forças Armadas no Brasil.

Desde que surgiu, no início de 2022, o grupo trabalha para fazer chegar a autoridades e instituições internacionais – como o Washington Brazil Office – as ameaças golpistas do bolsonarismo. Integram o Demos professores das principais universidades do país, além de nomes como o constitucionalista Clèmerson Merlin Clève e os cientistas políticos Fernando Limongi e Sérgio Abranches.

O contato mais recente do Demos foi com Joel Hernandez, comissário da CIDH, que por sua vez é vinculada à Organização dos Estados Americanos. Hernandez agradeceu o envio de informações sobre “os desafios à independência judicial no Brasil no atual calendário eleitoral” e se colocou à disposição para uma reunião on-line com os acadêmicos brasileiros.

Dela, também irá participar a peruana Julissa Mantilla, presidente da CIDH e relatora da comissão para o Brasil. Ela é advogada especialista em direitos humanos pela Pontifícia Universidade Católica do Peru, com mestrado em Direito Internacional dos Direitos Humanos pela London School of Economics and Political Science, da Universidade de Londres.

Eleito pela Assembleia Geral da OEA e com mandato na CIDH até 2025, Hernandez é mexicano e foi embaixador pelo país. É formado em direito pela Universidade Nacional Autônoma do México e mestre em direito internacional pela Faculdade de Direito da New York University. Também é vice-presidente da Comissão Jurídica Interamericana, membro do Conselho de Diretores do Instituto Inter-regional de Pesquisa de Crime e Justiça das Nações Unidas e assessor internacional do American Law Institute.

The post Comissão da OEA vai ouvir acadêmicos brasileiros sobre golpismo de Bolsonaro e militaresThe first to appear on The Intercept.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_img

Related articles

The Benefits of a Creative Subscription with Envato Elements

If you’re looking to find and use royalty-free images and other creative resources, it can be tough to...

Get an Additional ₹100 Cashback When You Pay with Domino’s Digital Wallet Partners

How does ₹100 cashback sound? Find out more about the additional cashback you can get when you pay...

Get Unlimited Access to DataCamp’s Library of Online Courses

DataCamp subscriptions enable access to over 300 courses, as well as projects, assessments, and additional content. Whether you're...

Why You Should Buy from DaMENSCH: The Best in Quality, Service, and Value

Buying products online can be dangerous; you never know if you’re getting an authentic product, or one that’s...